Livramento Hoje

Livramento Hoje



Neymar perde braçadeira e Daniel Alves será o capitão na Copa América

  Terça, 28.Maio.2019 às 09h00


Foto: Divulgação

Neymar não será o capitão do Brasil na Copa América. O jogador foi informado por Tite após o treino do último domingo, na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), que a braçadeira será utilizada por Daniel Alves na competição continental. O lateral-direito, aliás, já ocupará o posto no amistoso do próximo dia 5, diante do Catar, em Brasília. Coincidência ou não, a perda da braçadeira vem após a agressão de Neymar a um torcedor após a decisão da Copa da França, no Stade de France, onde se irritou ao ser provocado quando subia as escadas do estádio para a cerimônia de premiação da competição, conquistada pelo Rennes com um triunfo nas cobranças de pênaltis. Ao final daquele jogo, o atacante também criticou publicamente colegas de Paris Saint-Germain. Há dez dias, quando Tite anunciou a lista de 23 convocados para a Copa América, o treinador foi indagado quatro vezes sobre a postura de seu principal jogador, mas se negou a responder todas elas. O sempre ponderado comandante chegou a demonstrar impaciência nas respostas, mas insistiu que iria falar pessoalmente com Neymar antes de expressar sua opinião publicamente. O astro do PSG se apresentou à seleção no sábado, e na primeira atividade se mostrou bem à vontade. No domingo, ele realizou mais um treino com os colegas na Granja Comary antes de ganhar folga com o restante do elenco. Foi após essa atividade que Tite informou o atacante de que a braçadeira de capitão voltaria a Daniel Alves. A escolha por Daniel Alves, de certa forma, tira a pressão sobre Tite e, ao mesmo tempo, não soa exatamente como um castigo a Neymar. Isso porque Daniel Alves foi o jogador que mais vestiu a braçadeira no período anterior à Copa do Mundo da Rússia, quando o comandante promoveu um rodízio de capitães. Na semana passada, num indício de que o terreno já estava sendo preparado para a mudança de capitania na seleção, o auxiliar Cleber Xavier afirmou em entrevista coletiva que Daniel Alves seria o capitão na Copa do Mundo da Rússia, no ano passado, caso não tivesse se machucado às vésperas da competição.

Comentários


Os comentários dos participantes responsabilizam apenas os seus autores, não podendo ao Livramento Hoje de algum modo ser atribuída responsabilidade pelo conteúdo daqueles.