Livramento Hoje

Livramento Hoje



Lúcio dá recado a antigos parceiros: ‘Prefiro ser traído do que trair’

  Segunda, 30.Abril.2018 às 10h00


Foto: Alan Rich | Livramento Hoje

Abandonado pelo grupo político do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), o deputado federal Lúcio Vieira Lima (MDB) usou as redes sociais para mandar um recado aos antigos aliados, ao fazer considerações sobre amizade e política. O emedebista compartilhou um texto também postado pelo ex-secretário de Ciência e Tecnologia do governo Rui, Vivaldo Mendonça (PSB), que recentemente fez críticas públicas ao governador, em defesa da reeleição da senadora Lídice da Mata (PSB). “Num ensaio chamado ‘A inimizade e a amizade, o escritor Milan Kundera fala de amizades fraturadas por divergências políticas”, diz o texto.
Lúcio acrescenta: “Costumo dizer que prefiro sempre ser traído do que trair, posso e devo ter inúmeros defeitos, mas nenhum amigo tem queixa que não o respeitei, não o valorizei, me aproveitei ou o troquei por qualquer tipo de interesse”. Em seguida, o parlamentar diz que é questionado com frequência sobre o motivo de não trocar “100 votos do velho companheiro, por 2000 de uma nova liderança, que surgiu e que respeito, mas que nunca caminhou comigo nas estradas cheia de obstáculos, da política e da venda”. Durante as conversas para a definição da candidatura de oposição ao governo, houve um movimento para tentar afastar Lúcio do MDB, com o intuito de minimizar os efeitos eleitorais das malas de dinheiro encontradas em um apartamento atribuídas ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB), irmão do deputado. O “rompimento” do grupo com o “MDB de Lúcio” foi evidenciado semanas depois, com a saída de todos os deputados estaduais do partido. (BA.ba)

Comentários


Os comentários dos participantes responsabilizam apenas os seus autores, não podendo ao Livramento Hoje de algum modo ser atribuída responsabilidade pelo conteúdo daqueles.