Livramento Hoje

Livramento Hoje



Vitória da Conquista: Suspeito de golpes de até R$ 60 mil é reconhecido por 12 vítimas

  Quarta, 28.Dezembro.2016 às 08h00


Foto: Divulgação

Um homem suspeito de estelionato foi detido na cidade de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, e reconhecido por 12 pessoas que disseram ter sido vítimas de golpes aplicados por ele. De acordo com informações do delegado Gustavo Nery, que apura os casos, o homem já responde a outros seis inquéritos pela prática do mesmo crime. Ele é apontado como autor de golpes de até R$ 60 mil. O suspeito, Rafael Vieira de Souza, foi localizado após uma discussão com uma das vítimas que o encontrou no centro da cidade, na segunda-feira (26). Ele foi levado para a Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos, mas depois foi liberado, segundo a polícia, por ainda não ter nenhum mandado de prisão em aberto.A dona de casa Maria Vitória Dais disse ter vendido um terreno ao suspeito há cinco meses por R$ 45 mil e conta que até hoje não recebeu o dinheiro. "Ele me levou no cartório, fez uma duplicata e ficou me enrolando", destacou. Já a técnica em enfermagem Edna Alves diz que pagou R$ 16 mil a Rafael para a construção de uma casa que ela nunca recebeu. "Ele falou que constrói casas financiadas pela Caixa, mas para entregar a casa a gente precisa primeiro dar um certo valor em dinheiro e foi o que eu fiz: dei R$ 16 mil para ele", destacou. O delegado Ney Brito disse que já encaminhou à Justiça seis inquéritos e pediu a prisão preventiva do suspeito em quatro deles, no mês de maio de 2016. "Agora, fomos surpreendidos com mais essas 12 vítimas. E o considero hoje o maior estelionatário da região do sudoeste da Bahia, com golpes de R$ 20, R$ 30 e até R$ 60 mil. É preciso que a Justiça se sensibilize e decrete essa prisão para que a gente possa retirá-lo das ruas e, com isso, evitar que surjam mais vítimas", afirmou. (G1)

Comentários


Os comentários dos participantes responsabilizam apenas os seus autores, não podendo ao Livramento Hoje de algum modo ser atribuída responsabilidade pelo conteúdo daqueles.